main

Dicas

Como Escolher um Nome de Domínio para o meu Site

Outubro 28, 2016 — by Rita Matos0

web-design-1327873_1280.png

Uma decisão importante e com um grande impacto no futuro do seu negócio.

WWW

O domínio é o seu nome na Internet, a forma como as pessoas o irão encontrar e recordar e ao seu negócio. Um nome de domínio bem elaborado ajuda no posicionamento do site em motores de busca, a diferenciar-se dos demais, a tornar-se, pois, numa referência para os utilizadores.

Se tem uma empresa, a decisão é mais fácil: utilize o nome da mesma para estabelecer a sua presença online. Mas suponhamos que o seu negócio está relacionado com desenvolvimento pessoal. Eis a primeira questão:

“Devo colocar no meu domínio o nome da minha marca ou o do meu centro? Acrescentar-lhe uma palavra-chave como ‘coach’? Ou indicar a minha cidade no domínio?”

Já lhe dói a cabeça só de pensar, não é?

Homem a desesperar com a escolha do seu nome de domínio

Tal como sucede no logo: é um emblema, o rosto do seu negócio, logo tem de de sentir sempre identificado através dele.

No entanto, se perde demasiado tempo à volta desta decisão, seja por “parálise por análise”, perfecionismo descontrolado, medo do fracasso… nunca mais arranca:

Não queremos que se atrase mais no seu projeto por causa disso, pelo que lhe vamos dizer que critérios deve seguir para não se enganar ao escolher o seu nome de domínio (ou pelo menos, para minimizar riscos).

Vamos lá!

1. Você não é a Coca-Cola
Lembre-se que, e sem prejuízo do que dissemos linhas acima, o seu valor está antes de mais nada naquilo que faz e esse valor só o começará a ter quando arranque efetivamente com o seu negócio.

2. Nada é para toda a vida
Sim, nem sequer o seu domínio. Já todos tomámos uma decisão no começo de alguma coisa e a mudámos no processo.

E embora seja chato mudar de domínio, é possível, faz-se e pronto.

3. Decida o que decidir, se tem um negócio unipessoal, reserve um domínio com a sua marca pessoal (nome e apelido).
São 10 € por ano e é um domínio que lhe será sempre útil. O ideal é reservar um .com e um .pt.

Não sabe onde estará nem o que será da sua vida daqui a 2 anos, mas continuará a ter o nome que lhe deram quando nasceu.

4. O nome não influencia assim tanto o posicionamento no Google
Algumas pessoas ficam obcecadas com as palavras-chave e querem introduzi-las em todo o lado. O que só é relevante para o posicionamento a curto prazo.

Isto é, a primeira vez que a Google o conhece levará isso em linha de conta para “posicionar o seu site”. Mas depois medirá muito mais coisas: as atualizações da sua página (ou seja, se publica no seu blogue regularmente), o tempo de permanência dos visitantes na página (se os conteúdos são de qualidade, andarão mais tempo por lá), etc.

Por isso, não dê assim tanto valor ao domínio nesse sentido.

5. As pessoas recordam melhor um nome do que uma marca
É mesmo assim, memorizamos caras e nomes de pessoas muito mais facilmente porque estamos programados para nos relacionarmos com pessoas. Tenha isso em mente.

As distintas possibilidades que tem no momento de escolher o nome de domínio e para que serve cada uma delas.

Opcão 1: A sua marca pessoal (nomeeapelido.com)

Esta não falha.

  • É a opção que mais força dá à sua marca pessoal
  • É algo que o identifica como único
  • Funciona muito bem a longo prazo
  • Reforça o efeito “confiança na pessoa” detrás da marca

Porque, como já sabe, as pessoas confiam mais num nome ou num rosto do que numa marca e no seu logo.

Para quem é ideal esta opção?

Para coaches e terapeutas independentes que queiram reforçar a sua marca como profissionais.

Exemplojoanaareias.com – Life Purpose Coach e autora do livro “Tu Consegues”

Opção 2: O nome do seu centro (nomedocentro.com) Se já tem um centro físico na sua cidade, talvez esteja a pensar comprar esse nome de domínio.

É uma boa opção se o seu centro já tem uma certa fama e quer que encontrem facilmente informação acerca dele na Internet.

Aqui estará a pôr o foco no centro, e não em si como profissional nem na sua marca pessoal, pelo que esta opção tem sentido se o seu centro já é realidade e já não está a fazer consultas a partir de casa.

A quem interessa esta opção?

Centros já estabelecidos que queiram ser mais facilmente localizados na web. Centros de formação, centros de terapias e bem-estar… indicando informação e cursos, horários, tarifas. Ou ainda escolas online.

Exemplo:  speak-to-inesmoura.com – Centro de Coaching Vocal (pode ainda acrescentar a palavra-chave da cidade se quer trabalhar localmente (ex.: yogatecaalgarve), o que já não lhe recomendamos se pensa dar formações online ou vir a franchisar o seu negócio).

Nota: Atenção: se tem um centro, mas está a trabalhar sozinho e as pessoas procuram-no por si, neste caso talvez seja mais inteligente apostar na marca pessoal na escolha do nome de domínio.

Centro de bem-estar e terapias

 
Opção 3: Nome da sua marca na Internet (nomesimbolico.com)
Já sabe que vai trabalhar com o seu site ou blogue, mas gostaria de que tivesse uma marca, um nome por detrás.

É uma boa opção para reforçar a sua missão, o seu método ou a sua simbologia – forte elemento de conexão por exemplo no caso das terapias e energias.

Bola de cristal

Esta opção é muito tentadora na hora de criar o seu projeto, porque é com qual se pode sentir mais identificado. E além do mais, sente-se menos “presunçoso” que usando o seu nome.

A ideia que tem é de deixar claro desde o começo o significado último do seu site ou blogue, a mensagem que quer transmitir. Fantástico!

Mas há aqui um perigo: todos gostamos de mudar e se estamos a arrancar com o projeto ainda mais. Ainda que seja tentador, este tipo de domínio pode ser o que maior probabilidade tem de vir a querer mudar se está à frente de um negócio.

Para quem é ideal esta opção?

Para pessoas que já têm uma ideia muito clara da missão do seu blogue e já percorreram muito caminho com o seu projeto. E pessoas que já reviram e redefiniram o seu posicionamento, que sim, pode variar em questão de meses.

Exemplo: primelinecoaching.com, da coach pessoal do futebolista Eder, Susana Torres ou paulonogueiraterapias.com (é bastante comum no mundo das terapias e da nutrição, porque se aprecia muito o subtil e o simbólico).

Opção 4: Nome pensado com palavras-chave (reikilisboa.com)
Pôr uma palavra-chave no domínio pode ser uma boa jogada, desde que não lhe retire personalidade.

O posicionamento de palavras-chave no domínio pode ajudá-lo numa primeira fase, mas não lhe servirá de muito se o conteúdo não for de qualidade.

Para quem é ideal esta opção?

Sites de produtos, revistas digitais, cursos específicos ou comunidades online. Trabalham o posicionamento em massa e praticamente tudo o que ganham é através do Google.

Exemplomeditacaolisboa.com – site que disponibiliza informação sobre aulas de meditação.

Aula de meditação

E que erros deve evitar?

  • Usar palavras difíceis de pronunciar ou recordar.
  • Comprar domínios com extensão rara. Casos de .bcn, .info, .biz …)
  • Utilizar travessões e hífenes. Causam confusão.

Em suma:
Não existe um nome de domínio perfeito.

Procure simplesmente algo que seja fácil de memorizar, relativamente curto e esteja alinhado com o seu negócio.

Se não resultar, vai sempre a tempo de mudar.

Agora é a sua vez!
Conte-nos a sua experiência: já escolheu o seu nome de domínio? Alguma vez mudou o mesmo? Optou por uma marca pessoal ou corporativa?

Fonte: blogue de Laura López; Marketing Libelula

Dicas

7 Coisas que qualquer CEO devia Saber sobre Design

Outubro 3, 2016 — by Rita Matos0

fashion-men-vintage-colorful1.jpg

Chegámos a um patamar em que a tecnologia já amadureceu o suficiente para se tornar insuficiente e o Design se tornou no fator diferenciador entre duas marcas que vendem o mesmo tipo de produto. Basta pensar na indústria automóvel: já não basta, por exemplo, que um carro seja rápido; hoje em dia ele tem de o parecer. Ao criar essa perceção, o Design assume uma importância decisiva no seio do consumidor.

Chávena da marca Costa ao lado de portátil. Quando pensamos em marcas, pensamos em logos e identidades. Mas eles são apenas símbolos que representam empresas. Uma marca é a percepção que os consumidores têm acerca da empresa que a criou e essa percepção é construída ao longo do tempo, através de experiências. Experiências criadas pelo Design.

ClientesDicas

SEO: Os 10 Mandamentos para 2016-2017

Setembro 6, 2016 — by Rita Matos0

Workers-Huddled-Around-an-SEO-Table.jpg

Eleve o seu site ao topo do ranking do Google.

A lupa do SEO
O algoritmo de buscas do Google muda a cada dia que passa. Segundo especialistas em SEO, as mudanças mais recentes vão tornar mais rígidos os critérios relacionados com a qualidade de conteúdo, a experiência do utilizador (UX) e o excesso de anúncios. Logo, o melhor é preparar-se para o impacto que estas alterações irão ter no posicionamento do seu site nos próximos tempos.

ClientesDicasPesquisa de serviçosProkubo

Marketing de Conteúdo: 40 dicas infalíveis de especialistas para atrair clientes

Agosto 16, 2016 — by Rita Matos0

How-To-Use-Competitive-Analysis-To-Boost-Your-Content-Marketing-960x400.jpg

40 passos para desenhar uma estratégia de sucesso.

Diferenças entre o Marketing de Conteúdo e o Marketing TradicionalProduzir conteúdo relevante e de valor para o target de uma empresa é o princípio básico do Marketing de Conteúdo. Daí a expressão “o conteúdo é rei” tantas vezes apregoada neste contexto. De uma forma envolvente, agradável, subtil e por isso muito diferente da da pura publicidade nua e crua, o conteúdo de valor gera interesse em quem o lê e fornece à empresa as ferramentas necessárias para atrair visitantes e para converter visitantes em leads, leads em clientes e estes últimos em fãs. Mas criá-lo por si só não é suficiente.

No princípio de agosto, teve lugar em Chicago a aclamada conferência de Marketing Content Jam. Dos testemunhos dos 14 oradores, o Diretor Não-Executivo do Buzz Sumo, Steve Rayson, fez um apanhado de 40 dicas que o irão ajudar a delinear uma estratégia de Marketing de Conteúdo vencedora e nós compilamos as ideias-chave neste post.

ClientesDicas

Truques de Marketing Infalíveis para Aumentar as Vendas

Julho 18, 2016 — by Rita Matos0

184H-960x640.jpg

Reciprocidade, Impulso e Conformidade. Três gatilhos mentais que o Marketing não ignora e como os usar para alavancar os resultados da sua empresa.

[Truques de Marketing] Mulher a pensar enquanto trabalha na sua secretária. Truques de Marketing

Na senda de um artigo que publicámos no blogue do ProKubo há alguns meses sobre 5 táticas de pricing que todos caímos com frequência, hoje recuperamos o tema do comportamento do consumidor, focando-nos mais concretamente no modo como as empresas aplicam a Psicologia Social ao Marketing quando, prevendo uma dada resposta, introduzem determinado estímulo na equação. Os resultados… apostamos que já os sentiu na pele… e no paladar. Neste post ensinamos-lhe 3 truques de Marketing muito simples que o ajudarão a tirar da cartola ideias para estimular o seu negócio.

ClientesDicas

Os 5 Maiores Erros das Marcas na Criação da sua Identidade Visual

Junho 27, 2016 — by Rita Matos0

school-colorful-colourful-colors-960x622.jpg

Se está prestes a lançar uma marca ou se prepara para fazer um rebranding da mesma, eis alguns conselhos a seguir para não deitar tudo a perder.

Estante com latas coloridas de produtos de uma mesma marcaA identidade visual refere-se ao conjunto de elementos formais que representa visualmente e de forma sistematizada um produto, uma marca ou empresa, instituição ou serviço. No fundo, é o seu rosto, e ele deve transmitir a sua personalidade, por isso desenhá-lo requer muito mais do que uma operação estética. Construir uma marca visual sólida é um trabalho estratégico complexo e um passo decisivo no desenvolvimento de seu negócio, seja ele qual for. Portanto, tome nota destes erros comuns e de os poderá evitar.

Dicas

Dispositivos móveis: Como otimizar a experiência do utilizador e incrementar as vendas do seu mCommerce

Junho 15, 2016 — by Rita Matos0

wood-coffee-camera-desk-165101-960x629.jpg

Como melhorar a User Experience nos dispositivos móveis e consolidar a sua presença online.

“No atual contexto digital é mais importante do que nunca compreender e poder personalizar a ‘viagem digital’ do utilizador – conhecida como ‘customer journey’ – através dos diferentes dispositivos móveis com os quais interatua a sua empresa.” – Carolina Moreno, diretora geral da Liferay Iberia 

Loja virtual otimizada para dispositivos móveis

O mCommerce não pára de crescer. Em 2019, mais de 2 mil milhões de pessoas comprarão através dos seus dispositivos móveis, gerando um volume de negócios de cerca de 700 mil milhões de dólares. Isto é, haverá quatro vezes mais consumidores e treze vez maior faturação do que em 2014.

ProfissionaisProkubo

Inquérito de Satisfação ProKubo

Maio 25, 2016 — by Rita Matos0

capa.png

Só para profissionais ProKubo.

Olá!

Queremos saber como está a ser a tua experiência no ProKubo enquanto profissional. Para tal, pedimos-te 5 minutos do teu tempo para preencheres um breve inquérito. Todas respostas são anónimas e confidenciais.

Os dados serão estudados no âmbito de uma tese de Mestrado na área das Indústrias Criativas no ISCTE-IUL, com a qual estamos a colaborar no sentido de melhorar os nossos serviços a partir do teu feedback.

Para participares, clica aqui. Desde já, obrigado pela sua colaboração.

O ProKubo

Interface do ProKubo, com o seu motor de pesquisa

 

ClientesDicas

Cartão de Visita: 5 Dicas para Causar Sensação

Maio 19, 2016 — by Rita Matos0

business-card-943997_1920-960x638.jpg

Faça do seu cartão de visita uma arma poderosa e conquiste clientes!

Cartão de visita de um dog walker
Se nos segue regularmente, lembrar-se-á de um artigo em que partilhámos 15 ideias inspiradoras para conquistar mais clientes com o seu cartão de visita. À semelhança de um aperto de mão, um elemento tão físico e pessoal como o seu cartão de visita pode marcar a diferença entre sermos recordado ou cairmos no esquecimento no mundo dos negócios após um encontro, de mais a mais com a velocidade brutal a que vivemos. No artigo desta semana, vamos aprofundar um pouco este tema e dar-lhe algumas dicas acerca de como deve ser um cartão de visita que transmita o seu profissionalismo e o ajude a atrair potenciais clientes. É evidente que nem tudo o que aqui dissermos se poderá aplicar a todo e qualquer projeto, daí falarmos de dicas, e nunca de regras.

ClientesDicas

7 Sinais de que o seu Site Precisa de um Redesign

Maio 6, 2016 — by Rita Matos1

pixabay1-960x640.jpg

Sendo o rosto online do seu negócio, o seu site requer atenção e cuidados constantes.

Página web de Cook Mellow vista a partir de um smartphone, com design responsiveUm site é como um automóvel. Quando é novo e luzente e tudo funciona na perfeição, a experiência é estimulante. Mas à medida que vai envelhece, um site precisa de reparação constante, sob pena de deixar de trabalhar.

Estamos em constante mutação. O modo como as pessoas navegam na Internet muda. Mas… e o seu site? Tem vindo a acompanhar essas mudanças de forma eficiente? Se já lhe diagnosticou algum destes sintomas, é pois o momento de lhe fazer uma intervenção cirúrgica. 

mautic is open source marketing automation